.comment-link {margin-left:.6em;}

Pachalafaka

Portuguese guy moves to Istanbul, learns turkish and lives the new culture.
Um português em Istanbul
Bir portekiz İstanbul'da

Name:
Location: Turkey

2008-10-22

A minha vida na Turquia

Nos ultimos tempos tenho recebido alguns contactos de portugueses e brasileiros que estão a pensar viver na Turquia e perguntam-me pela minha experiência.
Resolvi postar aqui um resumo da minha experiência na Turquia. Como não sou mais de ciências do que de literaturas vou organizar a história em bullets:
  • Dez/2003 - A minha primeira visita à Turquia por 1 semana, motivo - ver a Pelin que na altura era uma aiga turca, depois desta visita passsou a ser namorada.
  • Mar/2004 - Segunda visita à TR por 10 dias, nesta visita cheguei à conclusão que para bem da minha saúde mental e emocional tinha de arranjar maneira de me mudar para a TR.
  • Jun/2004 - Terceira visita
  • 19 Ago/2004 - Mudança para Istanbul, foi uma decisão complicada, mas valeu o facto de a empresa onde trabalhava em PT ter mantido a minha posição quando eu decidisse voltar. O plano era, aprender turco e arranjar um emprego num prazo de 6 meses.
  • Set, Out, Nov 2004 - Curso de língua turca em full-time, foi uma excelente base para todos os progressos que fiz com a língua até hoje, apesar de passados estes 3 meses estar ainda a um nível muuuuito básico na oralidade. Foram uns meses excelentes, os primeiros tempos de namoro misturados com o facto de ser um turista/estudante, enfim um regresso aos tempos de Erasmus!
  • Dez,Jan 2005 - Procura de emprego, foi um período difícil, a língua foi uma barreira enorme começando pelo facto de levar imenso tempo a perceber o que os anúncios e sites de emprego diziam. Com alguma perseverança consegui finalmente encontrar um site que parecia mais virado para o tipo de oportunidades que eu procurava. Fiz umas 5 entrevistas e consegui receber no final de Janeiro 2 propostas.
  • Fev-Ago 2005 - Empregado numa pequena empresa turca, começei com um salário ridiculamente baixo mas que subiu rapidamente para valores aceitáveis. A adaptação não foi fácil, especialmente nos primeiros 2 ou 3 meses. Foi uma mudança drástica para um novo mundo, "crise de identidade" foi a melhor expressão que arranjei para definir aquilo que passei, acho que tenho alguns posts neste blogue que falam sobre isto, lembro-me que a internet e a blogosfera foram preciosos nessa altura para me ajudar a passar essa fase.
  • Set,Out 2005 - Mais 2 meses de curso de turco em full-time, para isto interrompi o trabalho na empresa onde estava, foi muito bom ter interrompido o curso após os primeiros 3 meses porque os 7 meses de emprego elevaram a oralidade e puseram-me no nível necessário para fazer o 4º e 5º nível de turco.
  • Nov-Fev 2006 - Mais 4 meses na empresa, nesta altura o trabalho corria bem, mas as minhas expectativas em termos de salário faziam-me pensar em mudar.
  • Mar-Ago 2006 - Aceitei um cargo na minha antiga empresa Portuguesa para trabalhar deslocado na Polónia, mudei-me para Varsóvia e mudei novamente de mundo, este foi um período interessante para perceber a diferença entre um emigrante (mal pago a trabalhar numa condição semelhante aos locais) e um expatriate (mto bem pago a trabalhar em melhores condições que os locais).
  • 18 Ago 2006 - Casamento com Pelin, uma bela festa (ajudou o facto de ter subido à condição de expatriate). Esta celebração e pré-celebração envolveu também uma série de adaptações à cultura turca que tem algumas diferenças substanciais da portuguesa.
  • Ago-Fev 2007 - Estive mais 2 meses em Varsóvia e 4 meses em Portugal, foi a altura da Pelin emigrar e estudar uma língua diferente.
  • Mar 2007 - Hoje - Decidimos voltar para Istanbul e eu procurei um novo emprego, desta vez uma procura bem mais eficaz: 15 entrevistas e 7 propostas. Começei em Abril numa média empresa com contactos na Holanda. Até agora tem sido um trabalho aliciante e com bastantes sucessos, as condições salariais não sao as melhores e um pouco longe do que poderia estar a ganhar em PT, mas tenho a noção que estou a evoluir na aculturação e na profissão. Os próximos planos são: solidificar a língua e fazer o exame nacional de turco para estrangeiros que dá um certificado; obter cidadania turca; solidificar um emprego e as condições de trabalho.
Espero que esta pequena história apanhe eventuais tugas (e outros) que estejam a googlar e a pensar vir para a Turquia, e que os ajude a decidir mudar de vida.
A nível pessoal, mudar para a Turquia foi uma decisão da qual nunca me arrependi, nem nos dias difíceis. A cultura turca é muito rica e com uma grande virtude, a hospitalidade, tneho feito muitos amigos que rapidamente me chamam de "Döst". Para além disso tudo que tenho vivido e continuo a viver tem proporcionado uma aprendizagem constante, e com o tempo tenho valorizado cada vez mais o acto de aprender.
Deixo aqui o contacto para quem quiser entrar em falar comigo ou com outros lusos em terras turcas, é um Public Chat no Skype, o link é http://tinyurl.com/5oyh8m
EDIT: Os Public Chats já não são suportados no Skype, mas o canal continua a existir, quem quiser entrar no canal que me contacte no Skype através do username: pauloya